OGIVA NUCLEAR

segunda-feira, 18 de abril de 2016

MENTIRAS  E VAIDADES  DA  MESA  DA
ANP (Assembleia Nacional Popular)
 
Na eminência da queda justa deste governo sem programa aprovado, alertamos aos nossos concidadãos sobretudo, daqueles que se encontram fora do país, e a Comunidade Internacional, de que, o DSP e seus Bandidos, estão a fazer manobras perigosas para pôr o país inteiro em caos, guerra civil, mortes e para mais tarde, imputar culpas aos outros, como nos tem feito nos últimos tempos.

A sessão extraordinária da ANP que o presidente JOMAV convocou de forma sábia, para ver se consegue com isso, ultrapassar a impasse instalada na ANP, para tirar o país e o seu povo, neste sofrimento e a morte lenta que Domingos Simões Pereira (DSP), Cipriano Cassamá e os seus lacaios nos condenou.

Digo-vos que, em nenhum momento desde o início desta crise politica, o DSP, Cipriano Cassamá, Gearldo Martins, Inácio Tchébém, disse verdade a este povo e a comunidade internacional. Quando são confrontados nos órgãos da comunicação social, falam como se fosse Santo e obscuramente, fazem, cometem, e planeiam acções criminosas.

Assim, explico-vos os seguinte:
O Domingos Simões Pereira, depois dos teatros que encomendou Cipriano Cassamá e Inácio Tchébém  fazer na ANP, para tentarem expulsar injustamente os 15 Deputados da nação, fabricaram e inventaram uma sessão em que fingiram empossar novos 15 “deputadinhos”. Mas, para quem conhece minimamente as nossas leis, sabe logo que, o empossamento destes “deputadinhos” é inconstitucional na medida em que, num universo de 102,  57 deputados não marcaram a presença naquela sessão de brincadeira, que só é feita para gastar ainda mais o dinheiro do estado. 

E, mesmo se naquela sessão de brincadeira, estivessem 52 deputados, que constitui o quórum da actual composição da nossa ANP, todos os documentos deliberados ali, carecem da assinatura do Presidente JOMAV e ao que sabemos, ninguém da nossa ANP, tem a coragem de levar estes LIXOS (documentos de brincadeira), para pedir assinatura do Presi JOMAV.

Assim, os processos judiciais começaram a ganhar forças de um lado para outro e enquanto que o Programa de governo, que tinha sido chumbado na primeira fase, e que deveria ser submetido a segunda votação nos 15 dias subsequentes, ficou sem a sua aprovação até a data presente.

Cassamá e Inácio Tchébém, propositadamente, não convocaram sessão da ANP, com medo de verem o Governo coxo a cair. Mas, nos órgãos da comunicação social, dizem que estão a espera da decisão dos tribunais, e se assim for, pergunto:
- Porque é que estes dois parvos da ANP, deram anuência ao pedido de DSP, para emitir Passaportes Diplomáticos e Cartões, aos 15 falsos “deputadinhos” , no mês de Fevereiro?
- Se a sessão da ANP não se realizou, deixando o país a paisana e expostos aos larápios, qual é a pressa que motivou o Cipriano Cassamá e Inácio Tchébém , para emitir estes documentos de grande importância, às pessoas estranhas sem esperar veredicto final dos Tribunais?
- Ainda, porque razão Cipriano Cassamá e Inácio Tchébém, cancelaram salários dos verdadeiros 15 Deputados e efectuou o pagamentos salariais aos Falsos 15 “deputadinhos”, referentes aos meses de Janeiro, Fevereiro e Março /2016 ?
- Hoje, esta gentalha fedorenta de DSP, estão a propagar nos órgãos de comunicação sociais de que, a sessão convocada  amanha, é só para ouvir discurso do Presidente e depois, não serão tratados e debatidos nada mais. QUE VERGONHA E ARROGÂNCIA É ESSA?
-  O Povo deve continuar a se conformar com essa miséria extrema?
Chamo a atenção a quem do direito, para confiscar estes passaporte e cartões, que encontram na posse das pessoas indevidas.


AMANAHA PUDER DI POVO NA MOSTRA BÔS CUMA, MINTIDAS KU BANDIDASKU  KATA  VENCI  NADA, NÔNA  BATI BÔ GOVERNO Y NÔNA  PRINDI TUDO KIN KU MISTI INVIABILIZA DEBATE NA ANP. 

Sem comentários:

Enviar um comentário