sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

CONTRA FACTOS NA HÁ ARGUMENTOS
JUIZ INJOLANU INDI FORONTA I NA KUDA NA SI DESGRAÇA KU MÓM  NA CABEÇA
 Esta em curso mais um complot judicial, a foto que ilustra este artigo fala por si.
O Juiz, Indjonalu Mariano Indi, manteve esta sexta-feira de manha num café de Bissau um encontro com o puto Jailson Cuino mais conhecido por (TCHONTCHI) “Blufucinho” a mando de JVB utru Blufu si cumpanher para fechar negócio e promete avocar o processo sobre a perda de mandato no Tribunal Regional de Bissau, como fez anteriormente com a providência cautelar interposta pelo Presidente da ANP Cipriano Cassama, sobre a perturbação da sessão da ANP.
O Negocio terá sido fechada e ainda não conseguimos apurar quanto que é o Jovem medíocre Juiz Indi terá cobrado para decidir antes de seguir para Abuja-Nigéria, para Tribunal da CEDEAO sem concurso publico, sobre este assunto o Comissario para Recursos Humanos, Huco Monteiro e a sua maninha, Mária de Ceu Silva Monteiro, Presidente de Tribunal de Justiça da CEDEAO têm palavra.
Como a imagem fala mais do que mil palavras queremos aqui chamar a atenção a inspeção regional da justiça, o conselho superior da magistratura judicial, o ministério público, para que assumam as suas responsabilidades.
Quem é o Jailson Cuino?
JAILSON CUINO A ESQUERDA..., E O JUIZ INJOLANU INDI A DIREITA
Trata-se de um puto que estudou em Dakar, um curso de apenas dois anos ( INTENSIVO ) e que arma em licenciado, esteve a trabalhar na BAO..., primeiro no balcão e depois transitou-se para os serviços de crédito.
João Bernardo Vieira, Secretario de Estado dos Transportes e Comunicações, o seu cúmplice, chamou lhe para o Presidente de Conselho de Administração dos Portos da Guiné-Bissau (APGB), função não executiva, mesmo assim despediu-se de BAO.
O objetivo de facto era de criar e, já criaram..., e o facto pode ser confirmado no centro de formalização de empresas, uma empresa para ganhar o concurso público lançado julho de ano passado sobre a parceria público privada na APGB, o concurso não foi avante porque o governo de DSP caiu a 12 de julho de ano passado.
Esta é a prova inequívoca que os três milhões de euros que desapareceu na casa de JVB eram destinados as negociatas nomeadamente a compra de juízes, compra de armamento como ficou quase que evidente.

DAINTI KI CAMINHO

POUCA VERGINHA TEM LIMITES  
 JOMAV TENHA “ pena do povo ” E TIRE- NOS NESTE DESESPERO

SENHOR PRESIDENTE JOMAV  SOU UM SIMPLES GUINEENSE QUE ERA E PENSO CONTINUAR SENDO SEU ADMIRADOR E AMIGO, CONTUDO NÃO QUERO ESCONDER QUE PERANTE ESTA CRISE NO PAÍS, DECEPCIONOU- ME PROFUNDAMENTE A SUA FALTA DE PODER SE ASSIM PODER DIZER!

SENHOR PRESIDENTE A “AUTORIDADE” É UM PODER QUE TODOS NÓS QUANDO VOTAMOS EM SI O DELEGAMOS PARA O EXERCER, ACREDITANDO QUE O “PODER” QUE É SIMPLESMENTE A CAPACIDADE DE....PODER, FOSSE UM DOS SEUS FORTES ATRIBUTOS ENQUANTO HOMEM E PESSOA! ESTAVAMOS ERRADOS???!!!!! PENSO QUE NÃO!

ESPERAVAMOS DE SI E DO SEU “PODER” UMA  ATITUDE QUE CARACTERIZA A MAIOR PARTE DOS PRESIDENTES QUANDO INVESTIDOS DE AUTORIDADE, “CORAGEM” ENGANAMO-NOS??? EU DOKA NÃO ACREDITO!

O SENHOR COM TODAS ESTAS “CONSULTAS MÉDICAS” AINDA NÃO ENCONTROU A RECEITA PARA O MAL QUE ASSOLA O PAÍS MARTIRIZANDO ESTE POVO?????????
PREOCUPA-SE DEMAIS QUE AS PESSOAS ACREDITEM OU NÃO NA JUSTEZA DA DECISÃO QUE TERA QUE TOMAR, QUANDO Á ÚNICA JUSTEZA É CUMPRIMENTO DA CONSTITUIÇÃO!! PORQUÊ TUDO ISTO???????

PRESIDENTE JOMAV, O SENHOR  DEVE SER O  GARANTE DA NOSSA LEI FUNDAMENTAL PORTANTO COISA SÉRIA DEMAIS  PARA SER TRATADO DESSA MANEIRA!!!!

QUANDO DEIXA ESPAÇO PARA OUTROS PODERES E NÃO TEM CORAGEM PARA EXERCER OS SEUS, ESTES ASSANHAM CONTRA SI, OU SEJA CONTRA TODOS NÓS. TENHA CORAGEM, PORQUE DSP É UM HOMEM MAU E PERIGOSO.

SENHOR PRESIDENTE TEM QUE TER CORAGEM DE PODER FAZER, PODER MANDAR, PODER LIDERAR, PODER SALVAR O POVO GUINEENSE, PODER DECIDIR CONSTITUCIONALMENTE, PODER PARA TRAZER A PAZ E ESTABILIDADE AO PAÍS, SE NÃO TIVER CORAGEM PARA ISSO DEMITA-SE PORQUE NÃO ESTAMOS AO SEU LADO NESTA LUTA PARA VER PESSOAS COMO DSP E CIPRIAS CASSAMA HUMILHANDO- LHE.  
ESTAS INDICISÕES, FALTAS DE RESPEITO E DE AUTORIDADE, VERGONHA RESUMIDAMENTE FALTA DE CORAGEM JOMAV, NOS ESTA ENFRAQUECENDO E NOS DEIXANDO DE RASTOS..., E NÃO MERECEMOS ISTO.

SENHOR PRESIDENTE “O PODER É PODER” SE NÃO PODE, AVISE- NOS. TODOS NÓS ESTAMOS EM RISCO DE VIDA COM O SEU COMPORTAMENTO..., EU DOKA AINDA CONFIO EM SI E SEMPRE IREI ACREDITAR QUE VOCÊ É O PODER E O ESPELHO DESTA NAÇÃO.
SENHOR PRESIDENTE,  PARA:
NÃO DEFENDER A LEI???? PERANTE ESTES GRINTANTES ATROPELOS??? PARA SER UM PRESIDENTE SEM AUTORIDADE???? PARA PERMITIR A MANIPULAÇÃO DE PROCESSOS LEGAIS????? PARA NÃO DAR EXEMPLO A SOCIEDADE QUE AS LEIS SÃO PARA CUMPRIR POR TODOS????? PARA PERMITIR QUE O PODER JUDICIAL SEJA UTILIZADO POR DESEJOS E NECESSIDADES PESSOAIS DE DSP E CIPRIANO CASSAMA?????? PARA PERMITIR QUE ESSES JUÍZES DESRESPEITEM AS LEIS IMPUNEMENTE????? PARA SER UM PRESIDENTE QUE TEM MEDO DE METER NO CALABOUÇO JUÍZES CORRUPTOS???? PARA SER UM PRESIDENTE QUE TEM MEDO DE MANDAR PRENDER TODA ESSA MAFIA QUE SE DÃO PELO NOME DE PODER JUDICIAL???? PARA PERMITIR QUE DSP E OS MESMOS DESFAÇAM DA POLITICA????? BASTA JOMAV
“KA BU MEDI PRESI..., KA BU MEDI..., PABIA ÉSS KI JUGADA DE BA DSP..., ESS KÉ MISTI”
 PRESIDENTE “MON NA LAMA” PARA SI É TRABALHAR, FAZENDO COM QUE TODOS EM PRIMEIRO LUGAR RESPEITEM A NOSSA LEI MAGNA!!!!!!
“NÔ PUNTA, Undé bú MON NA LAMA?


PRESIDENTE NÃO TARDA VAMOS SAIR PARA A RUA, PEGAR EM ARMAS, INCENDIAR O STJ, A ANP,O PALÁCIO E QUEBRAR TUDO, POIS NUMA TERRA AONDE NÃO IMPERA A LEI DEVE IMPERAR A FORÇA, ENTENDEU A FORÇA!!!

RECORDE- SE QUE EU DOKA SOU A SUA PRINCIPAL CARA NOS ORGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL..., ALIAS O UNICO QUE O DEFENDE.

ATUE!!!  URGENTEMENTE E O MAIS RÁPIDO POSSIVÉL..., PORQUE ESTAMOS EM RISCO DE VIDA.



DESMANTELAMENTO DE ESQUADRÃO DA MORTE EM CURSO
“KUSSAS TA PARCI MA I KA TA DJUNTU” querem copiar a violência pós eleitoral na Costa de Marfim, através de criação de esquadrão de morte e cujo os responsáveis estão neste momento a ser julgados pelo Tribunal Penal Internacional em Haia na Holanda.
A detenção de ajudante de campo de JVB, um militar, facto que ninguém consegue perceber porque é que é um militar se transformou num ajudante de campo de um Secretario de Estado “um blufu acima di tudu”.
Na Guiné-Bissau tem direito a um ajudante de campo militar para além do Presidente da Republica, Primeiro-Ministro e o (a) Ministro (a) da Defesa, ele vai ter que explicar “kuma ki ianda i tchiga la.
Agora vamos aos factos que conseguimos apurar e os seus propósitos:
A compra de armas tinha como propósitos criar um grupo armado para executar primeiros os 15 deputados que têm poder facto no PAIGC e, todos aqueles que não apoiam o DSP.
Engraçado é que, os mentores desta iniciativa que todos nós sabemos “I BA KIM”, embora ainda não vamos avançar com os nomes tendo em conta o principio de presunção de inocência, têm os seus familiares aqui em Bissau e que são identificáveis (olhos nos olhos e dente por dente), kim ku ranjdal i na pagal tudu ku si família.
Queremos chamar atenção do perigo e da gravidade desta situação e que a comunicação social Guineense e estrangeira aliadas de DSP, deixam passar despercebida.

NUNCA FIDJU PADIDU TRAZ DI SI MAMÈ…… Dianti ki caminho!
I DOKA INTERNACIONAL KA ENTRA NÉ TARBADJU NA BASE DE PROTAGONISMO MAS SIM EM DEFESA DA VERDADE.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

A VIDA DOS 15 CONTESTATÁRIOS EM PERIGO A CADA MINUTO QUE PASSA.
3 ELEMENTOS DOS 15..., PRINCIPAIS ALVOS A SEREM ELIMINADOS FISICAMENTE..., TEEM QUE SER ASSASSINADOS A TODO O CUSTO:
1-         MANELINHO.
2-         BÁ KEKUTO.

3-         RUI DIÃ DE SOUSA.

ESTES 3 ELEMENTOS ESTÃO SENDO AMEAÇADOS, SENTEM QUE ALGO LHES PODERÁ ACONTECER. 
NÃO HÁ QUE SUB- ESTIMAR A SITUAÇÃO VISTO QUE ELA É DELICADA. SÃO VIDAS EM RISCO.  E A QUEM DO DIREITO QUE SE POSICIONE O MAIS RÁPIDO POSSIVÉL.
Boa noite Doka,

eu sou um leitor atento do seu blog e da situação da Guine embora seja angolano.

As nossas realidades sao diferentes, também temos as nossas makas  mas perdão que me desculpem a vossa gente é complicada.

Alguma vez o nosso presidente esperava este tempo todo para decidir? Alguma vez chamava essa gente toda que já foi ai para dar conselhos? Alguma vez um primeiro ministro desrespeitava-o desta forma?
 
Mas afinal quem manda na terra? 
Até quando é que o Presidente vai esperar para resolver aquilo que tanta gente já percebeu que só tinha e tem uma maneira de resolver?
As pessoas não precisam de trabalhar, não precisam de ver a sua vida mexer, andar para a frente? Ou será que há alguma coisa que o Presidente tema? Alguma coisa que o esteja a amarrar?

Li aqui o que o Doka escreveu sobre o Presidente saber o que está a fazer, etc,etc. Agora acabo de ver o comunicado da Presidência. E o tempo? Será que não se pensa nisso? 

Estamos perante um presidente enfraquecido e eu até tinha uma opinião forte em relação a ele, pelo que via, lia, mas neste momento com todo o respeito parece-me que já perdeu o barco. 
Isto fica mal, até Obassanjo segundo li, disse que na Nigeria isto era impossível, impensável.
É muito estranho e confuso para quem está de fora perceber a posição do Presidente. Não me recordo nem tenho conhecimento, e já não sou um garoto, de ver uma situação em qualquer parte do mundo. 

Um pais adiado, suspenso, um povo sem ninguém no leme. É triste. Gostava de ver este povo irmão ter um pouco de paz, sucesso, enfim…parece uma contradição mas mesmo com tanta gente contra, incluindo os meus patrícios, parece que o período que se seguiu ao 12 de Abril foi o mais estável nestes últimos tempos.  

Votos que rapidamente a Guine veja tudo isto resolvido.
ÚLTIMA HORA
UM MILITAR..., QUE POR IRONIA DO DESTINO É O  AJUDANTE DE CAMPO DE JBV ENCONTRA- SE PRESO NO ESTADO MAIOR GENERAL DAS FORÇAS ARMADAS POR ENVOLVIMENTO NA COMPRA DE ARMAMENTO..., MAIS DE 40 Aks e um numero incalculavél de PISTOLAS.   O AJUDANTE DE CAMPO DE JBV, PRESO E COM UMA FORTE MEDIDA DE SEGURANÇA.  MUITA COISA POR EXPLICAR.

OLESEGUM OBASANJO EM MOMENTO ALGUM ABANDONOU A SALA DE REUNÃO ENQUANTO A MESMA DECORRIA..., ISSO NUNCA CHEGOU DE ACONTECER.   PELO CONTRÁRIO, ELES FICARAM CONVENCIDOS MAIS DO QUE NUNCA DE QUE AS PARTES QUE ENVOLVEM DSP E CIPRIAS CASSAMÁ É QUE REALMENTE NÃO QUEREM O DIALÓGO E MUITO MENOS O BEM ESTAR E OS INTERESSES DO POVO.


MAIS UMA VÊZ DSP A SUA MANEIRA CONSEGUE USAR OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL A FIM DE DESINFORMAR AOS GUINEENSES NO ESTRANGEIRO PORQUE DENTRO DE BISSAU, DSP E CIPRIAS CASSAMÁ PERDERAM TODA A CREDIBILIDADE E NUNCA JOMAV DESRESPEITOU A COMUNIDADE INTERNACIONAL ALI PRESENTES.

ALIAS, OS MESMOS ESTÃO ACOMPANHANDO TODO O PROCESSO E DE PERTO...., COM JOMAV MARCANDO PONTOS.

COMUNICADO DE IMPRENSA

O grupo dos 15 deputados do Partido Africano para a Independência da Guine e Cabo-verde (PAIGC) que foram ilegal e supostamente expulsos do seu partido, pelo facto de votarem abstenção ao programa de governo liderado pelo de Eng.º Carlos Correia, tem acompanhado com atenção e preocupação, o evoluir da situação política do país após o Tribunal Regional de Bissau ter decretado uma providência cautelar que suspende a ilegal deliberação da  Comissão Permanente da Assembleia Nacional Popular (ANP) sobre a perda dos nossos mandatos como Deputados da Nação.

Após o conhecimento da decisão do Tribunal Regional de Bissau, a Comissão Permanente da Assembleia Nacional Popular, emitiu um comunicado no qual tenta e sem sucessos manipular a opinião pública, através da desinformação em como o Tribunal Regional de Bissau decidiu duas vezes sobre o mesmo assunto e de uma forma contraditória.
Perante esta inverdade lançada pela Comissão Permanente da ANP, o grupo dos 15 Deputados da Nação eleitos pela lista do PAIGC vem pelo presente comunicado esclarecer o seguinte:

1.    O Meritíssimo Juiz do Tribunal Regional de Bissau, Dr. Indjonalu Indi, decidiu dar provimento ao requerimento do Eng.º Cipriano Cassamá, na qualidade de Presidente da ANP, decretando a providência cautelar arguida pelo Eng.º Cipriano Cassamá e insta-se aos 15 Deputados do PAIGC e a Bancada Parlamentar do Partido da Renovação Social (PRS) (1) a cumprirem integralmente a Deliberação da Comissão Permanente da ANP n.º 1/2016, de 15 de Janeiro, relativa a perda de mandato, criando condições para o regular funcionamento da ANP, e (ii) abstermos de quaisquer actos que possam pôr em causa a integridade física e a vida dos demais Deputados da Nação e dos cidadãos ou dos seus bens;

2.    Não obstante não termos sidos, juntamente com a Bancada Parlamentar do PRS, notificados da Douta Decisão do Juiz do Tribunal Regional de Bissau, Dr. Indjonalu Indi, e por conseguinte a mesma Decisão ainda não nos era eficaz, acatamos a mesma Douta Decisão do Tribunal Regional de Bissau e não nos deslocamos à ANP desde então;

3.    Em 08 de Fevereiro de 2016, o Meritíssimo Juiz do Tribunal Regional de Bissau, o Dr. Lássana Camará, decidiu julgar procedente o requerimento cautelar dos Deputados da Nação Abel da Silva Gomes, Adulai Baldé e Amido Keita, decretando a providência cautelar arguida pelos estes Requerentes e, em consequência, ordena a suspensão imediata da Deliberação da Comissão Permanente da ANP n.º 1/2016, de 15 de Janeiro, com todas as consequências legais.

Esclarece-se que as duas decisões em nada colidem uma com a outra. Senão vejamos:

Por um lado, a primeira decisão de um Juiz Tribunal Regional de Bissau só mandou respeitar justamente a Deliberação da Comissão Permanente da ANP, enquanto esta estar em vigor porque nunca tinha sido atacada. Por outro lado, a outra decisão de um Juiz do Tribunal Regional de Bissau, vem suspender exactamente a tal Deliberação da Comissão Permanente da ANP. Ou seja, esta última decisão vem esvaziar de conteúdo a decisão anterior do Tribunal, sem, contudo, chegarem a colidir-se.

Com a presente decisão do Juiz do Tribunal Regional de Bissau, de 08 de Fevereiro de 2016, que decidiu julgar procedente o requerimento cautelar dos Deputados da Nação Abel da Siva Gomes, Adulai Baldé, e Amido Keita, ordenando a suspensão imediata da Deliberação da Comissão Permanente da ANP n.º 1/2016, de 15 de Janeiro, todos os 15 Deputados do PAIGC podem retomar os seus lugares na ANP.

Perante estes factos, questionamos:
·         Como é que estas duas decisões tratam do mesmo assunto?
·         Onde é que se encontra a suposta contradição?
·          
De igual modo que a Bancada Parlamentar do PRS e os 15 Deputados do PAIGC acataram a Douta Decisão do Juiz do Tribunal Regional de Bissau, do Dr. Indjonalu Indi, que os mandou absterem-se de quaisquer actos que possam pôr em causa a integridade física e a vida dos demais Deputados da Nação e dos cidadãos ou dos seus bens, a ANP deve acatar a Douta Decisão do Juiz do Tribunal Regional de Bissau que mandou suspender a Deliberação da Comissão Permanente da ANP n.º 1/2016, de 15 de Janeiro, sob pena de cometer crime contra a realização da justiça na modalidade de “Obstrução à Actividade Jurisdicional”.

Outrossim, apelamos a mesa da Assembleia Nacional Popular no sentido de cumprir a letra a decisão judicial como forma de dignificar a justiça e princípio constitucional da separação.

VIVA A JUSTIÇA INDEPENDENTE
VIVA A DEMOCRACIA
VIVA A REPUBLICA DA GUINE-BISSAU

Bissau, 11 de fevereiro de 2016


O Grupo dos 15 deputados da Nação eleitos pela lista do PAIGC

COMUNICADO A IMPRENSA
PDSSG, UPG, UNDP, FD, PDG, UDS, LIPE, FLING, PRP, PPD, PP, MP, PADEC, CD,  partidos políticos legalmente constituídos defen-dem que o poder Judicial em qualquer parte do Mundo, tem o compromisso de cumprir e fazer cumprir a Constituição e as Leis do País. Seria deveras catastrófico se a reposição da legalidade constitucional, não fosse reposta neste caso de perda ilegal e fraudulenta de mandatos dos 15 Deputados do PAIGC, resultado da independência do poder Judicial ao poder Politíco no nosso País contrariamente de que muita gente pretende advogar.

 A  luta dos partidos legalizados sem assento parlamentar, nesta grave crise política que assola o País, não visa a criação de instabilidade política ou a luta desmedida pelo poder, mas sim, como demostra o seu posicionamento após as últimas eleições legislativas, em que voluntariamente se remeteram ao silêncio total, concretamente a uma moratória de 2 (dois) anos para que houvesse condições para uma melhor governação do País sem sobressaltos, deixando  premeditadamente o País sem uma oposição politica.

 Tinha ainda como objectivo a consolidação e instituição de um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida na ordem interna e internacional, perfilando por uma  solução pacífica das controvérsias na esperança de se deixarem para trás as velhas práticas de ilegalidades e atrocidades que dominaram o País durante os últimos 42 anos .

Entendemos que na Guiné Bissau ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei, basta de MACHUNDADIS, de super homens.
O lider do PAIGC, “MACHU” Domingos Simões Pereira, não entendendo esse posicionamento, optou pela arrogância, pela divisão, pelo ódio, pelo ajuste de contas, pelo amiguismo, pela corrupção generalizada, pela perseguição, pela demagogia, pela falácia,  pela institucionalização de um estado anti-democrático, enfim por tudo aquilo que não beneficiasse a Guiné e aos Guineenses.

 DSP, Domingos Simões Pereira, incapaz de liderar pacificamente e consensualmente o PAIGC, de  brigas em brigas endémicas no seu seio, conduziu o partido mais votado nas últimas eleições a uma fragmentação interna, resultando  numa completa degradação da antiga maioria, devastada por lutas e divisões jamais inconciliáveis  no seu seio, evidênciando ao longo dos últimos sete meses uma total incapacidade de formar uma maioria necessária para a governabilidade do País.

Demetido pelo Presidente da República, ferido e inconsolado associado ao seu egocentrismo, faz transbordar  para o Estado a crise interna do seu Partido  de uma forma negativa e deliberada, envolve as instituições públicas do país, nomeadamente, o Parlamento sem qualquer responsabilidade inerente ao cargo público para que fora investido.

Ao perceber que mesmo no seu seio, no Partido e no seu grupo parlamentar, também está a perder, envereda por um caminho de ilegalidades e trafolhices jamais materializadas por um governante na Guiné, culminando com a expulsão de 15 Deputados no seu Partido e no Parlamento, pelo simples facto de estes entenderem abster-se relativamente a uma matéria com o qual não concordam, tal facto levou DSP a decretar que os mesmos deixaram de “preencher uma das condições de elegibilidade como deputados.” e por consequência deveriam perder os seus mandatos, sendo substituídos por Deputados mais obedientes e subservientes.

Perante esta grosseira  decisão ilegal e inconstitucional, à luz do ordenamento jurídico da Guiné-Bissau, não podiam os Partidos subscritores do presente comunicado de imprensa manter-se em silêncio.

Assim, reaparecem no cenário politico, na defesa da Constituição e da legalidade democrática, exigindo a reposição da mesma, predispondo-se estes Partidos na continuação da sua luta pela dignidade da actividade  politica na Guiné Bissau.

No passado dia 8 de fevereiro o Tribunal Regional de Bissau veio dar razão à luta movida pelos Partidos Politicos Legalizados quando se solidarizaram com os 15 deputados do PAIGC, na procura da legalidade, ordenando a anulação da decisão do Parlamento que os suspende, confirmando assim que o que move este grupo de Partidos é sómente a luta por um Estado de direito democrático, pela legalidade e pelo respeito da Constituição da República.

Crentes também que de seguida será declarada a inscontitucionalidade do actual governo de Carlos Correia e a sua consequente demissão à luz da nossa Constituição, ao abrigo dos artºs 104º, nº 1, d) e do artº 69, alinea b) e conjugado com artº 104, nº1, alinea b), a luta por esses objectivos prosseguirá.

Para terminar, os Partidos aqui representados exortam o Poder Judicial, que num Estado de direito democrático cabe- os  tutelar os direitos e o direito.
 É neste sentido que se pretende que os tribunais sejam chamados a contribuir para a efectivação dos direitos, liberdades e garantias dos cidadãos e a defesa da legalidade.
O Poder Judiciário declara o direito defendendo a Constituição. Além disso, cabe ao Poder Judiciário controlar os demais Poderes do Estado, tendo como parâmetro a Constituição e ainda assegurar a efectiva aplicação do direito, em especial dos direitos fundamentais.
 É nesse sentido que exigimos ao Poder Judicial Guineense para que seja de per si independente do Poder Executivo a bem da Justiça e do Povo Guineense.
VIVA A GUINÉ BISSAU
Bissau 10 de fevereiro de 2016

Os Partidos
ÚLTMA HORA!!!

ANP TRANSFORMA- SE NO PALCO DE MAKUMBA.  INFORMAÇÕES DÃO CONTA DE QUE TROUXERAM UM “ MURU “ DE MALI..., E O MESMO NESTE PRECISO MOMENTO SE ENCONTRA DENTRO DA ANP- NA FASSI TARBADJU DE MURUNDADE.

O ESQUISITO, É DE QUE ONTEM O DSP TERIA RECORRIDO A DEUS NOSSO SENHOR TODO PODEROSO ATRAVEZ DO NOSSO BISPO DOM CAMNATÉ...., E HOJE ME RECORREM AO SATANÁS??? PÔRRA..., ESTA COMBINAÇÃO É DE LOUCOS.   DEUS E SATANÁS SENTADOS NA MESMA MESA???  NUNCA.

DAPI, NIM ALY SILVA KU DOKA INTERNACIONAL KA PUDI SINTANDADU NA MESMA MESA KU FADI DEUS KU SATANAS

NÃO SEI DE QUEM FOI ESTA TRISTE IDEIA..., ALIAS, O DSP APENAS TEM PESSOAS TRISTES NA SUA EQUIPA DE GANGS
DSP BURRO, DERROTADO E TEIMOSO PERSISTENTE EM MALTRATAR O POVO  GUINEENSE

Depois de tudo o que já se disse e escreveu, parece pouco para qualificar esta situação, perante as maldades de DSP esquecendo, enganando e ignorando o Povo Guineense como sempre fez.

Entre mediadores que no passado foram apoiantes e apoiantes que hoje estão contra, esta insistência nunca vista dum governante em perpetuar o cargo contra tudo e todos, à força e à custa do pão que tira da boca daqueles a quem devia dar, o povo, é caso para dizer que afinal este homem não estava nem nunca estará minimamente preparado nem formado para dirigir os destinos do Povo Guineense.
É uma questão de carácter.

 MAU carácter, carácter que caracteriza mafiosos e bandidos.
A vida é ganhar e perder Ohh "Sr. Domingos" mas com dignidade, responsabilidade, “fair paly”,e neste caso com respeito.
No mínimo, poderia olhar para o exemplo de um dos seus orientadores no passado, Passos Coelho e perceber que tal como aconteceu com ele ACABOU.


E também para aqueles que insistem em ignorar o óbvio façam a mesma coisa e deixem de sacrificar o Povo Guineense.
A ISTO CHAMA-SE DEMOCRACIA, senhor “CARAPATA”, inimigo dos Guineenses, a Guiné não é “ponta di bu Papé”!
O poder é do POVO. DSP, o poder ganha-se e perde-se não é propriedade privada de DSP,MAU, TARADO, DOENTE, BASTA!
GOVERNO GUINEENSE DEVE UM MONTANTE DE 230 MILHÕES A FEDERAÇÃO  DE FUTEBOL DA GUINÉ BISSAU!
MANELINHO, PRESIDENTE DESTA INSTITUIÇÃO EXIGE O PAGAMENTO DESTE MONTANTE QUE JÁ DURA A 4 MESES APROXIMADAMENTE.
EM CASO DE DUVIDAS, EXISTEM PROVAS.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Comunidade internacional esta com Presidente JOMAV
É unanime. Toda a comunidade internacional esta com o Presidente JOMAV e defende a solução política da crise Guineense ao contrário do “ sequenti ” DSP. Justiça ku elis propi é ka acredita nel.
“Justiça i hora ki favoriciu” DSP bai medalha bo….. abo tudo ku Cipriano Cassama 
Olesegun Obasanjo esta desapontado com o ainda líder do PAIGC, num autêntico comportamento de falta de respeito em não participar na reunião que teve lugar esta quarta-feira no palácio da república.
O General e antigo Presidente da Nigéria, confidenciou a um diplomata Africano em Bissau que este falta respeito nunca aconteceria na Nigéria.
A posição dos emissários da CEDEAO e da CPLP coincidem com os representantes do Secretário-geral da ONU em Bissau, Miguel Trovoada e da União Africana, Ovídeo Pequeno.

Esperamos que o doente mentiroso de Victor Félix Diuof (To Diouf) e a dra. de tira mininus na mama..., nha pega na món de Lizete Pimentel, vão atacar o Obasanjo e o Ministro do Negocio Estrangeiro de Timor Leste, porque as posições destes coincidem com as de Trovoada e Ovídeo que foram alvos de insultos públicos deste dois (dinossauros)…
DSP..., CUIDADO..., PORQUE MUITAS DAS VEZES O FEITIÇO SE VIRA CONTRA O FEITIÇEIRO!!!

Guiné-Bissau: Sempre na mesma tecla!
É bem provável que o mediador da CEDEAO, Olusegun Obasanjo, saía de Bissau sem nenhum acordo ou entendimento entre as partes desavindas… aliás, como era de esperar. Em declarações à imprensa, Obasanjo disse que o presidente do PAIGC prefere que sejam os tribunais a resolver o diferendo político, porque já é tarde.
Bem, ainda ontem eram os militares os árbitros da Constituição e dos diferendos políticos;
Hoje pensamos ou queremos que sejam os tribunais…
Mas, como já ficou provado com as duas decisões contraditórias de um mesmo Tribunal Regional de Bissau, as instituições judiciais do país são demasiadas fracas e vulneráveis para serem encarregues de arbitrarem -- com a devida idoneidade e total transparência – a presente crise institucional.
Os tribunais são certamente (e sempre) desejáveis, quando funcionam de uma forma responsável, isenta e independente e quando são guiados pelas leis, mas infelizmente, nem sempre é assim. A Guiné-Bissau não é uma excepção.
Basta vos lembrar o recente caso dos 34 juízes da Alta Corte e doutros Tribunais Distritais de Gana que foram suspensos ou condenados à prisão devido aos subornos, envolvendo outros 180 funcionários do serviço judiciário do país. Quem diria Gana?!
Também basta lembrarmos o caso dos magistrados portugueses expulsos de Timor-Leste, em Março de 2014, alegadamente por “incidentes referentes a irregularidades jurídicas, tanto materiais, como processuais, que vêm [vinham] contaminando os processos…” nacionais do país. Quem diria magistrados portugueses?!
Servindo-se destes dois exemplos recentes e tendo em conta as possíveis vulnerabilidades individuais e institucionais como é o caso da Guiné-Bissau, a classe política nacional tem que ser capaz de colocar (em primeiro plano) os interesses e as aspirações do país e do seu povo. Até porque por detrás de boas leis, tem que existir SEMPRE uma boa vontade política e individual de cada um.
Assim, o fim do ciclo de instabilidades políticas dependerá não só da defesa dos interesses superiores do país, mas sobretudo da adopção de uma postura cidadã, patriótica e de irmandade política e nacional.
Ainda querem mais um exemplo? Haiti… Apesar de ser independente desde 1804 (há 215 anos) é certamente um dos países mais instáveis do mundo — política, social e economicamente.
Guiné-Bissau: temos que deixar de bater sempre na mesma tecla… para o bem daquilo que ainda no resta, o chão que nos viu nascer!
E se continuarmos a “guerrear” irresponsavelmente como tem sido até aqui, nem nós e nem os nossos filhos usufruir-se-ão desta linda terra dos nossos avós.

Umaro Djau, 10 de Fevereiro de 2016
CREDI MÁ PROGRESSO NACIONAL DESNORTIA..., ANTA DOKA INTERNACIONAL DESCONTROLOU- VOS ASSIM TANTO???

MAS QUEM É ESSA FATINHA NA CONVERSA DO FACEBOOK?
DESTA VÊZ TENTARAM SER MAIS PROFISSIONAIS PONDO A MINHA FOTO..., PORQUE DA VEZ PASSADA ESQUECERAM- SE?  
MAS A PERGUNTA DESSA IMAGEM QUE DIZEM QUE SE CHAMA FATINHA..., SERÁ QUE ELA É MESMO GUINEENSE? OU FORAM TIRAR ESSA IMAGEM DA POBRE MULHER EM ALGUM LADO, SABENDO QUE ELA NÃO É GUINEENSE.

MAS DEIXEM APENAS DESMONTAR A VOSSA MENTIRA MAIS UMA VÊZ:
1- AS " FONTES "- LETRAS USADAS NO FACEBOOK NO SEU TODO É SEMPRE O TREBUCHET MS................................., E QUE VOCÊS USARAM FORAM O " GEORGIA ",

2- APARECE- VOS APENAS AS HORAS...., ENTÃO..., E A DATA DA CONVERSA???  EVAPOROU???

3- SE ANÁLISAREM AS LETRAS, ESTA AQUI O EXEMPLO DA CONVERSA COM O MEU AMIGO E EM DADO MOMENTO ME RESPONDEU,  " Estou na rua " ESTA É LETRA E TAMANHO VERDADEIRO DO FACEBOOK..., VERÃO A MONTAGEM..., ESTA TUDO..., TIPO BORRADO, E O FACEBOOK APARECE ASSIM: Estou na rua...., MAS A VOSSA MONTAGEM: APARECE UMA SALADA RUSSA DO CARAÇAS, COM NOME DE BRAIMA CUBANO, NUNO NABIAM..., ENFIM..., E LOGO NO DIA EM QUE ESCREVI DO KEBA BANJAI??? CREDI??? CONTINUEM PROCURANDO OUTRA FORMA


PRINCIPIANTES NA INFORMATICA...., EU POR ACASO NEM TINHA VISTO ISSO, UM COLEGA MEU QUE ME TELEFONOU ESTA NOITE.

AMIGOS, AINDA NÃO FOI DESTA. 
MAS O CURIOSO É ESSE ARUNA, QUEM É ELE???..., TIVE NAMORADAS DE TODO O TIPO MAS ESTA FATINHA F. VEIGA CAMARA???  CREDI!!!

SAKUR

OBS:
O PADRÃO DE VIDA QUE EU DOKA LEVO..., É SUPERIOR A 700 EUROS OU 1000 EUROS...., E ACREDITEM QUE O DINHEIRO QUE DOKA INTERNACIONAL MOVIMENTA NUMA SEMANA OU DUAS NOS MEUS NEGÓCIOS OU COISAS QUE FAÇO NO MEU DIA A DIA..., ACREDITEM QUE SUPERA ESTE MONTANTE DE 10 A 15 VEZES MAIS .
ESSE MONTANTE É PARA O MEU FIM DE SEMANA EM INGLATERRA..., COMPRAS NO SHOPPING CENTRE, ALMOÇOS, JANTARES, PASSEIOS COM OS MEUS FILHOS- AQUI EM MANCHESTER.
EU TENHO UMA BOA VIDA AQUI. 

I NA GUINÉ BISSAU NHA FERA...., I 10 MIL FRANCOS CFAS DIARIOS.  TODOS OS DIAS.  OS QUE ME CONHECEM E FREQUENTAM A MINHA CASA SABEM DO QUE ESTOU FALANDO..., EU SOU VALIOSO. kkkkkkkkkkkkkkkk

PATETAS.