OGIVA NUCLEAR

segunda-feira, 30 de maio de 2016

Decreto presidencial número dois (2) deste ano nomeou o Mestre Baciro Dja, Primeiro-ministro da Guiné-Bissau e, o anterior tinha exonerado o governo de Carlos Correia.
Para quem não sabe, o Decreto Presidencial é uma lei por isso deve ser cumprida.
Quem não cumpre uma decisão de STJ, pode também não cumprir a decisão de um decreto presidencial, mas não sabem que está a cometer crime e agora só resta o PAIGC ser condenado de litigância e má fé.
Na justiça, a desobediência tem o seu preço a pagar e neste caso tarde ou cedo vão pagar por isso.
Manecas dos Santos, Cabo-verdiano que lutou na Guine e beneficia de regalias de antigos combatentes em Bissau e na Praia, nunca vai crer a Guine estável por isso está nas suas investidas e é o grande ideólogo de camarada Carlos Correia, a estabilidade da Guine para Manecas é quando está em negócio sujo com filho e sobrinhos.
PAIGC partido com forte implementação e movimentação dentro das forças armadas ocupou o palácio de governo com dirigentes e antigos guerrilheiros e o Manecas dos Santos partiu o vidro de edifício em nome de agora vale tudo. SI KA AMI I KA NINGUIM.
DSP ku si GRUPO, parem de insinuar porque a religião é delicada, MUÇULMANO KA NA MANDA LI, vocês não ficam bem na fotografia por favor.
Tenho dito.   

Sem comentários:

Enviar um comentário