OGIVA NUCLEAR

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

TEMPU TA BAI … TEMPU TA BIN & ACABARAM AS ROMARIAS 

Durante um pouco mais de um ano de governação o Governo de DSP fez várias romarias à Assembleia Nacional Popular (ANP).

Moção de confiança aqui, moção de apoio acolá! E essas moções eram feitas em relâmpago e passavam sempre com as super-maiorias. 
E com a ajuda da imprensa, lá exibiam essas “cartinhas” conseguidas à custa de muita compra de consciências. Com milhares de dólares por voto, quem teria resistido à tentação?! Mah suma Bissau kila muda…Acabaram as romarias. 
Agora é a própria presidência do parlamento que quer impedir as apresentações das moções e outros diplomas importantes para o funcionamento cabal do país. 

Porque é que o PAIGC (de DSP) tem o medo de apresentar o seu programa governamental e o Orçamento Geral do Estado na ANP? Como diz o ditado, quem não teme, não tem medo. 

A lei da UEMOA exige que os orçamentos de cada Estado membro sejam apresentados nos parlamentos locais até Outubro de cada ano. Já estamos em Novembro. A presente sessão da ANP queria adiar o agendamento do Programa do Governo e do Orçamento Geral de Estado até 8 de Janeiro do próximo, 3 meses depois dos prazos legais e administrativos concordados no âmbito da nossa zona económica. 

Mah suma Bissau kila muda… os dignos representantes do povo guineense, os parlamentares fizeram um finca-pé. No dia 12 de Dezembro completa 60 dias do Governo de Kota Carlos. 
Como a lei manda, há que se apresentar o programa do Governo antes dessa data. Aliás, com o finca-pé do PRS e doutros deputados honestos e patriotas do PAIGC, criou-se uma comissão composta por sete pessoas (4 do PAIGC e 3 do PRS) para avaliar a necessidade e a urgência da inclusão do Programa do Governo e do Orçamento Geral de Estado na agenda da plenária da ANP. 

Ao que tudo indica, na segunda-feira já teremos uma resposta. Para terminar, mais um episódio que demonstra a falta da seriedade e as “maranhas di timba” por parte dos dirigentes da ANP. 

Sabem que a ANP tem cedido a sua sala de reuniões às outras organizações numa altura quando devia estar a trabalhar? Feitas as contas, a ANP vai desperdiçar duas semanas de trabalho, o que terá obrigado o prolongamento desta sessão até 8 de Janeiro… só porque as romarias ao Palácio Madina de Boé já não românticas! 

Caros deputados, haverá alguma coisa mais importante do que discutir o Programa do Governo e o Orçamento Geral de Estado? Deixemos de brincar com o POVO!

Sem comentários:

Enviar um comentário