OGIVA NUCLEAR

quarta-feira, 27 de julho de 2016

O CRIME DE MORTE NÃO PRESCREVE, E SE DEPOIS DE 70 ANOS O MUNDO ANDA A CAÇA DOS GRANDES CRIMINOSOS NAZISTAS…, PORQUE RAZÃO NA GUINÉ BISSAU CONTINUA O CICLO DE IMPUNIDADE POR PARTES DOS QUE MATARAM E CONTINUAM MATANDO???

GUINÉ BISSAU, O PAÍS DA IMPUNIDADE, um país onde a justiça não funciona devido a capacidade fraca dos muitos elementos que fazem parte dessa esfera e se venderem por muito pouco ” BARRIGA “. 
  
Os criminosos sentem segurança nos seus atos porque conhecem bem os alguns e muitos magistrados da nossa terra que dando-lhes uma migalha de francos cfas, uma garrafa de whisky, um de vinho, ou um calhambeque podre de baixo preço e um “ PEQUENO DJAMU “,  seguido de uma palmadinha nas costas e de uma pequena frase do tipo: NHA ERMON ESS I PA BÓ.

São estas uma das formas em que se consegue corromper a um Juiz ou a um delegado do ministério publico.  Não são todos, mas sim na sua maioria, porque pessoas deste tipo foram e são considerados os principais causadores de toda a situação que a Guiné Bisssau hoje atravessa.  Porque os bandidos, os criminosos são protegidos pela nossa justiça por culpa de magistrados corruptos, AGORA SE ALGUEM LEVAR ISTO A CONTA PESSOAL, QUE PONHA O CAPUCHO.

Nós sabemos e temos o conhecimento de quem são estes magistrados, mas devido ao alto nível de fraqueza e pobreza em termos de formação, não temos uma instituição capaz, determinada e eficaz em termos de fiscalização e controlo de atos e atividades dos mesmos. 

Cada qual faz o que quer, vai atropelando as leis, violam os princípios dos direitos que confere ao cidadão e nada acontece.

Eu Doka Internacional, pergunto ao mundo e aos guineenses, quantos crimes foram cometidos na Guiné Bissau? Assassinatos, almas injustiçadas, espancamentos? Torturas? Desvios economicos?

Pergunto ainda: 
Quantas famílias sofrendo e implorando por justiça? E quantos criminosos  vangolorizando nas nossas ruas e gozando com o sofrimento desses mesmos familiares e vitimas sobreviventes devido aos alguns e muitos elementos bandidos e corruptos da nossa justiça que os protegem.


Enquanto houver um único criminoso a solta nas nossas ruas, enquanto houver um único assassino impune nas nossas proximidades e enquanto houver uma única pessoa clamando justiça por esse sofrimento…, eu DOKA Internacional, como vitima do sistema, continuarei fazendo o meu trabalho e com muito barulho, empenho, coragem e determinação em defesa de um todo..., INJUSTIÇADOS.   E se para isso a minha vida venha a terminar, a ser morto…, pois bem, a HISTORIA ME ABSOLVERÁ.

Em nome de todos os que sofrem, familiares e vitimas do sistema do estado guineense, porque o estado sempre foi, e sera continuidade, rezemos por eles...., Didi Ferreira, Joaquim Baticam Ferreira, Faran Ndae, Francisco Mendes, Paulo Correia, Viriato Pam, Roberto Cacheu, Otis/ da Telecom, Nicandro Barreto, Verissimo Correia Seabra, Lamine Sanha, Nino Vieira, Baciro Dabo, Iaia Dabo, Jorge Quadros, Baba Djassi, Aguinaldo Embalo, Tagme Na Waie, Nbana Sambu, Braima Bangura, Lay Seck e muitos outros herois desconhecidos e esquecidos.

Recordar que independentemente de tudo, ninguém tem por direito de fazer justiça com as próprias mãos.

Sem comentários:

Enviar um comentário